HISTÓRIA

HISTÓRIA
Recursos para a aprendizagem e o ensino de História

INGLÊS

INGLÊS
Recursos para o ensino/aprendizagem do Inglês como língua estrangeira (ESL)

LÍNGUA PORTUGUESA

LÍNGUA PORTUGUESA
Recursos para a aprendizagem e o ensino da Língua Portuguesa

Francês

Francês
Recursos para o ensino/aprendizagem do Francês como língua estrangeira
.

REGISTOS DE LÍNGUA

04/02/2010

C41-12VARIEDADE LINGUÍSTICA

Uma língua possui vários registos. Essa variedade tem a ver com factores:
  • geográficos ( O português que se fala em Lisboa não é igual ao que se fala no Porto, em Ponta Delgada ou em Luanda);
  • sociais ( a escolaridade e as experiencias sociais, familiares e profissionais interferem na forma como usamos a língua);
  • situacionais ( de um modo geral, tentamos adequar a linguagem às situações do dia-a-dia e às pessoas a quem nos dirigimos).
VARIEDADES DO PORTUGUÊS
A variedade do português é tão grande que pode ser dividida em:
  • variedade europeia ( português falado em Portugal continental, na Madeira e nos Açores)
  • variedade brasileira ( português falado no Brasil)
  • variedades africanas ( português falado em países como Angola, Moçambique e Cabo Verde)
REGISTOS DE LÍNGUA
A influência dos factores geográficos, sociais ou situacionais dá origem a vários registos de língua que podem ser divididos da seguinte forma:
a) Registos que seguem ou se aproximam da língua padrão

  • Corrente – corresponde à norma, habitualmente usada nas escolas e nos meios de comunicação social. Pode sofrer variações, tendo em conta o nível de formalidade da situação e o suporte(escrito ou oral).
  • Cuidado – é usado em situações formais, quando não há uma relação de proximidade entre os interlocutores. É muito comum na escrita  e em discursos políticos, conferências e sermões.
b) Registos que se afastam da língua padrão

  • Familiar – entre amigos e familiares, utilizamos um registo mais informal que, muitas vezes, se afasta da norma. O vocabulário é simples, assim como a construção de frases.
  • Popular – registo marcado pela simplicidade e pelos regionalismos.
  • Calão – linguagem grosseira e vulgar, muitas vezes associada a uma fraca escolarização. No entanto, o calão é conhecido e/ou utilizado por pessoas com diferentes origens e formações. Quando é usado por um grupo específico aproxima-se da gíria.
  • Gíria – corresponde à língua utilizada por certos grupos sociais e/ou profissionais. Existe a gíria dos estudantes, dos professores, dos jornalistas, do futebol, etc..
  • Técnico-científico – utiliza-se na área das ciências e das técnicas, e só é plenamente entendido pelos especialistas,

3 comentários:

Anónimo disse...

Boa tarde hoje e dia 29-01-2012 sao 15:448

Eu nao sou de me queixar mas por amor de Deus eu nao precebo nada desta página sobre os registos de lingua ainda vou tentar preceber algo e se houver novidades eu mando uma mensagem.

Com os melhores cumprimentos:a pessoa que nao saber quem e !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
Beijinhos e abraços (sou rapariga)(L) :):)(:(:

29/1/12 8:21 da tarde
Anónimo disse...

oi! eu so queria dizer que adoro a vossa pagina!!!!
30-01-2012

29/1/12 8:24 da tarde
Anónimo disse...

Obrigado. Este site ajudou-me muito. Na verdade, eu não entendia nada de registo de linguas e voces ajudaram me nesta matéria.

27/1/13 3:08 da tarde

Enviar um comentário

Página Anterior Próxima Página Home
Este blogue e seu conteúdo são propriedade de "Ao Encontro Das Palavras" O texto, logótipos, imagens, fichas e documentos estão protegidos por leis de propriedade intelectual. Qualquer reprodução, cópia, hospedagem de conteúdo desta página em qualquer forma ou por qualquer meio, é estritamente proibida, salvo prévia autorização por escrito do autor e responsável deste blogue !.