HISTÓRIA

HISTÓRIA
Recursos para a aprendizagem e o ensino de História

INGLÊS

INGLÊS
Recursos para o ensino/aprendizagem do Inglês como língua estrangeira (ESL)

LÍNGUA PORTUGUESA

LÍNGUA PORTUGUESA
Recursos para a aprendizagem e o ensino da Língua Portuguesa

Francês

Francês
Recursos para o ensino/aprendizagem do Francês como língua estrangeira
.

Sermão de Santo António aos Peixes - Resumo

01/10/2009

antonio_com_peixes





O Sermão de Santo António aos Peixes, da autoria do Padre António Vieira, é, como sabes, uma obra literária do Barroco português.






Porquê o nome deste sermão dado por Padre António Vieira?

-Homenagem ao Sto. António (pregado no dia de Santo António)
-Segue o exemplo do sermão de Santo António (aos peixes)
-Tal como Sto. António tenta converter os hereges (expulsem os demónios dentro de si), também Padre António Vieira tenta fazer isso com os colonos portugueses no Brasil.

Objectivos:
-Pretende agitar as consciências (abrir os olhos), conduzir à reflexão.
-Pretende evitar o mal e preservar o bem (sal que tenta salgar)

Estrutura do Sermão de Santo António aos peixes

1. Exórdio - capítulo.I

Exórdio: Funcionalidade das perguntas retóricas, recursos expressivos, processo do distinguo e relevância das narrativas

A partir do conceito predicável "vós sois o sal da terra": "Santo António foi sal da terra e foi sal do mar."

A razão pela qual ele nos fala da corrupção no capitulo I (Exórdio) (e nós concordamos), é porque existem várias razões para tal.




Causas Responsáveis pela corrupção
Pregadores <> (conservar o bem)
Ouvintes <>
“Sal”à”Sal que não salga”
Falsa doutrina “ Não pregam a verdadeira doutrina”
“Terra”à “Terra não deixa salgar”
Recusa da verdadeira doutrina “ou não querem receber”
Palavras   = comportamento à”Dizem uma coisa e fazem outra”
Imitação de comportamentos incorrectos “imitar o que eles fazem”
Vaidade dos pregadores (“Se pregam a si”)
Egocentrismo, satisfação das vontades (“Servem a seus apetites”)



Síntese:
Neste capítulo, Padre António Vieira critica a humanidade, que está cada vez mais corrupta, e os pregadores, que havendo tantos, não conseguem alcançar os seus objectivos. Utiliza as expressões “sal” para os pregadores e “terra” para os ouvintos. Excepção para Santo António, de quem Padre António Vieira admira bastante e aborda a história sucedida por este em Arimino, onde prega aos hereges e é tentativa de apedrejamento por parte deste anti-cristos.

2-Exposição-capitulo II

“Ao menos têm os peixes duas boas qualidades de ouvintes: ouvem e não falam”à Ironia que crítica os Homens.

-Os peixes neste capitulo, metaforicamente, são os Índios.

Louvores em Geral dos peixes:
- "ouvem e não falam"
- "vós fostes os primeiros que Deus criou"
- "e nas provisões (...) os primeiros nomeados foram os peixes"
- "entre todos os animais do mundo, os peixes são os mais e os maiores"
- "aquela obediência, com que chamados acudistes todos pela honra de vosso Criador e Senhor"
- "aquela ordem, quietação e atencão com que ouvistes a palavra de Deus da boca do seu servo António. (...) Os homens perseguindo a António (...) e no mesmo tempo os peixes (...) acudindo a sua voz, atentos e suspensos às suas palavras, escutando com silêncio (...) o que não entendiam."
-"só eles entre todos os animais se não domam nem domesticam"

Síntese:
Padre António Vieira inicia a exposição com uma pergunta retórica “Que haveremos de pregar hoje aos peixes?” Depois indica a estrutura do sermão “dividirei, peixes, o vosso sermão em dois pontos: no primeiro louvar-vos-ei as vossas atitudes, no segundo repreender-vos-ei os vossos vícios”. O resto do capitulo é abordado por António Vieira com as virtudes dos peixes, dizendo que eram queridos de Deus, se este não gostasse de peixes de peixes não tinha criado tantos, há muitos animais grandes, mas o maior é um peixe (Baleia)… Continuando com palavras características deles: quietos, atentos…





3-Louvores em Particular capitulo III(1º momento da confirmação)

Santo Peixe de Tobias

-Peixe bíblico: equivalente a pregador/função pregador
-Grande em tamanho e das virtudes interiores

Virtudes:
- o fel sara a cegueira "o fel era bom para curar da cegueira
- o coração lança fora os demónios; "o coração para lançar fora os demónios"

Virtudes em relação a Sto António:
-coração: bom coração
-fel: palavras amargas ditas por Sto António, tentando influenciar a audiência, dizendo que nada está bem, ou as atitudes destes.

Rémora

-Espécie Natural, com qualidade que seria útil aos homens
- Tão pequeno no corpo e tão grande na força e no poder;
-Tem uma espécie de ventosa (trava a ambição dos homens)

Virtudes:
-trava o leme das naus (barcos poderosos da época dos descobrimentos)

Virtudes em relação a Sto António:
-Palavras de Santo António, que pretendem travar os vícios.

Quatro naus abordadas:
-soberbaàvaidade
-vingançaàbatalha, artilharia apontada
-cobiça
-sensualidade

Torpedo

-Espécie Natural, com qualidade que seria útil aos homens
-Metaforicamente funciona como o aviso por parte de Sto António nas suas pregações
-É um peixe modesto, não se exibe

Virtudes:
-faz tremer

Virtudes em relação a Sto António:
-Palavras de Santo António fazem tremer







Quatro Olhos

-Espécie natural, equivalente a pregador

- dois olhos voltados para cima para se vigiarem das aves;
- dois olhos voltados para baixo para se vigiarem dos peixes.

Virtudes:
-Está atento

Virtudes em relação a Sto António:
-O Santo está atento a todos os vícios e tentações

Louvores em particular:


Os quatro peixes, Santo peixe de Tobias, rémora, torpedo e quatro-olhos, possuem características que na sua totalidade se vêm a identificar com as principais características de Santo António.

13 comentários:

Anónimo disse...

Questiono o facto de apenas terem analisado até ao capi. III. Num site, a informação deve ser bem estruturada, veridica e completa. Gostei de tudo o que li, coerente, bem estruturado, veridico mas incompleto.
Penso que podiam melhorar.

18/10/09 3:04 da tarde
Anónimo disse...

Gostei muito, é pena que tenha ficado pelo cap. III
António

8/11/09 2:09 da tarde
Anónimo disse...

Gostei do sermão do Padre António Vieira e está muito bem resumido...

e também gostava que tivesse o resto dos capitulos resumidos...
=)

15/11/09 3:39 da tarde
Anónimo disse...

Qual é o episodio da vida do padre santo antonio que Vieira vai busca-lo, quando a "terra nao salga" ?

26/2/11 4:10 da tarde
Anónimo disse...

é isso mesmo, deviam acabar o resto dos capitulos.
Mas tá muito bom

27/2/11 3:03 da tarde
Anónimo disse...

boa amigos! é pena é o sermão ir até ao VI capitulo, não é verdade? ;)

28/11/11 8:15 da tarde
Anónimo disse...

esta excelentee resumo este resumo pena nao ter os outros capitulos

5/1/12 8:43 da tarde
Anónimo disse...

vai aprender a escrever e depois diz alguma coisa!!!!

12/2/12 1:37 da tarde
Anónimo disse...

alguma coisa!!!!!

1/10/12 11:39 da tarde
Anónimo disse...

Muito bem estruturado, muito bem analisado. Gostei dos pormenores e da comparação com vida e atitudes de Santo António. Gostava imenso de ler os restantes capítulos, o que espero seja para breve.

12/10/12 10:10 da tarde
Anónimo disse...

esta muito vago

27/10/12 3:56 da tarde
Anónimo disse...

foi-me bastante útil :)

27/11/12 11:10 da manhã
Pedro disse...

boa amigos! é pena é o sermão ir até ao VI capitulo, não é verdade? ;)

26/3/13 11:42 da tarde

Enviar um comentário

Página Anterior Próxima Página Home
Este blogue e seu conteúdo são propriedade de "Ao Encontro Das Palavras" O texto, logótipos, imagens, fichas e documentos estão protegidos por leis de propriedade intelectual. Qualquer reprodução, cópia, hospedagem de conteúdo desta página em qualquer forma ou por qualquer meio, é estritamente proibida, salvo prévia autorização por escrito do autor e responsável deste blogue !.